• Redator da Dontotec

Cadeira Odontológica: como escolher?

Cadeiras Odontológicas são uma parte essencial e indispensável para um consultório odontológico, por isso, deve ser feita uma avaliação criteriosa para decidir qual é a melhor opção para o seu consultório. Na escolha, deve-se levar em conta a faixa etária dos pacientes, a sua função/especialização como dentista e outros fatores.


Se o serviço que você oferece está relacionado a odontopediatria, a cadeira deve ser pensada especialmente para o público infantil. Nisso estão incluídos o tamanho da cadeira, o design, o estofamento, entre outros detalhes. Se você trabalha com periodontia, é útil que ela venha com peças opcionais como sugador e bomba a vácuo.


Ao adquirir uma cadeira odontológica, todos esses fatores devem ser levados em conta para atender as necessidades dos seus clientes, mas também para a facilitar da sua rotina. Até porque, o conforto e estabilidade do paciente são importantes, mas os seus como profissional também são. Por isso, quanto mais ergonômico for este acessório, mais fácil será para você desempenhar sua função.


No mercado existem três tipos de cadeira odontológica:

  • as semiautomáticas, nas quais apenas os movimentos de descida e subida são automáticos;

  • as totalmente automáticas, que controlam automaticamente os movimentos de subida, descida e regulagem do encosto;

  • e as totalmente automáticas com volta zero, que além das opções já mencionadas, possuem também um botão que controla, com um só toque, a posição supina e a volta zero.


Mas de todos esses funcionamentos, quais são os mais relevantes para a escolha de uma cadeira odontológica? Na verdade, existe uma série de detalhes que fazem toda a diferença. Atualmente, um aspecto superrelevante está relacionado às novidades tecnológicas, mas muitas outras podem ser consideradas. Dê uma olhada:



Conforto

Independente de o paciente passar 10 minutos em sua cadeira para uma checagem rápida, ou horas em um procedimento cirúrgico, o conforto dele é essencial. Isso irá contribuir muito para a satisfação, retorno ou até indicações para outras pessoas.


O estofamento da cadeira deve ser confortável, e deixá-lo menos tenso, principalmente para pessoas que possuem medo de dentistas. Existem cadeiras odontológicas mais modernas que possuem até massageador para ajudar a relaxar o paciente.


Outra opção que pode ser favorável é uma entrada USB para o carregamento de celular, pois é bem comum que as pessoas procurem tomadas onde quer que estejam. Mesmo que o paciente não expresse satisfação explicitamente, quanto mais funcionalidades houver na cadeira, mais provável será o contentamento dele.

Luz do refletor

Quando o assunto é a luz do refletor da sua cadeira odontológica, duas opções estão disponíveis: halógenas, que gastam muita energia, mas iluminam muito bem; ou LED, que além de mais econômicas, possuem um melhor custo-benefício, e maior vida útil.


A longo prazo, uma cadeira odontológica com luz do refletor do tipo LED é mais favorável. Além de economizar com a conta de luz, já que você terá que usar essa luz o dia todo, também irá durar por mais tempo.

Instalação e manutenção

Já imaginou você escolher a cadeira odontológica que mais te agrada, levá-la para o seu consultório, e então na hora da instalação tudo dá errado? Tem como evitar isso! A parte hidráulica, elétrica e de ar compressor devem ser montadas com todo o cuidado para não prejudicarem o funcionamento do seu equipamento.


Para a instalação, é fundamental que sejam levados em conta aspectos como potência e voltagem. Nesse processo, é recomendado o uso de correntes do tipo 110v e 220v. O armazenamento de água também é importante. Uma quantidade de armazenamento ideal é de em média 2 mil litros. Já o ar comprimido requer atenção para detalhes como instalação de válvulas, filtros e tipos de tubos.


Quando o assunto é manutenção, é importante sempre checar o funcionamento da sua cadeira odontológica com profissionais que entendam do assunto. Além de detectar possíveis maus-funcionamentos, essas verificações podem garantir maior vida útil para a cadeira.

Dicas de cuidado

Primeiramente, é fundamental que você procure uma empresa que faça a manutenção e assistência da sua cadeira caso ela estrague. Se não houver uma marca como a Dontotec perto de você, encontrar esse suporte pode ser bem estressante.


Realizar a limpeza periódica também é essencial. Por ser uma superfície na qual muitas pessoas entram em contato direto, mantê-la sempre higienizada é ideal. Existem inclusive opções de cadeiras odontológicas no mercado que dispõem de uma opção de higiene automática.


Se uma dessas não estiver ao seu alcance, tenha cuidado com os produtos que você usa para realizar a limpeza. Produtos com álcool, certos tipos de detergentes, ou derivados de petróleo são estritamente proibidos. É indicado que a higienização seja feita com uma solução de água e sabão neutro. Na hora de escolher uma cadeira, uma opção que não tenha muitas costuras pode ser de grande ajuda.


Com tudo isso dito, o lugar ideal para você encontrar uma cadeira odontológica perfeita para você é a Dontotec. Aqui, além de vendermos as melhores opções, também oferecemos os serviços de manutenção para esses equipamentos, garantindo que sua cadeira odontológica esteja sempre em bom funcionamento!

6 visualizações0 comentário